Sobre “Procurando Dory”

“ela continuou a nadar”

Me lembro como se fosse hoje a primeira vez em que assisti “Procurando Nemo”, no auge dos meus 7/8 anos vi o meu mundo ser inundado por toda a magia da Pixar. O filme que também poderia se chamar uma “Odisseia no mar” conseguiu encantar adultos e crianças de todo o mundo ao retratar a busca incansável de um peixe-palhaço que perdeu o filho. E ainda abriu uma discussão acalorada na minha sala de aula sobre quem era o protagonista do filme, eu era da turma que defendia que só por Nemo estar no titulo aquilo não o credenciava como protagonista.

Mas quem roubou a cena mesmo na animação foi Dory, a personagem secundaria que poderia ser apena um alivio cômico trouxe um brilho nunca antes visto nas telonas, e uma carga dramática de fazer qualquer um se emocionar. Todo esse encanto com a personagem se deve ao talento de sua interprete, a apresentadora Ellen DeGeneres. Que depois de tanto insistir na TV aberta americana teve o seu desejo e o desejo de milhares de pessoas atendido: Uma continuação de Procurando Nemo.

Leia o resto deste post »

Anúncios